quarta-feira, 1 de julho de 2009

Carta a um Amigo de Deus

PARTINDO...

Descobri que toda vida é feita de despedida
Que nasci pra caminhar, pra ir além, pra deixar e pra viver só do que vem
E quando o que vem chegar ainda ir e viver só de partir
Partir não me faz sofrer
É parar, é não ir, é desistir
Quem parte e não tem medo de se perder
Vai chegar e entender que só se perde quem não for
Quem vai por qualquer caminho jamais andará sozinho
Porque há sempre alguém partindo pra alguma parte
E quem parte reparte vida e caminho...
(Pe. Ivan Teófilo)


Caro Ivan Teófilo*,

Boas novidades desta nossa arquidiocese.

Podemos, agora, respirar aliviados, não mais o medo imposto, não mais as ameaças.

Agora é tempo de lavrar a terra, plantar, novamente, as sementes que outrora floresceram. Não mais entre os espinhos, não mais entre as pedras, agora em solo fértil, com um clima que permitirá uma ótima colheita.

Infelizmente, Padre, não poderemos contar com a sua presença nessa lida, mas gostaríamos de solicitar suas orações, para que seja farta a nossa messe.


*Ivan Teófilo foi Padre Salesiano, bastante perseguido, primeiro pela ditadura, depois pela diocese (na pessoa do Bispo). Ivan morreu em fevereiro de 1990, vítima de infarte, quando era padre na paróquia de Caetés, Paulista - PE.

2 comentários:

  1. Só uma figura iluminada pode escrever um texto desse. Gostaria de tê-lo conhecido.

    Uma abraço.

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito de ler o que meu amigo Ivan escreveu. Gostaria apenas de esclarecer que o bispo não perseguiu o padre Ivan, mas ele enfrentou problemas disciplinares dentro de sua Congregação, com o superior.

    ResponderExcluir